Entendendo o Calendário Litúrgico

O calendário litúrgico católico é utilizado pela Igreja para marcar os tempos litúrgicos, ou seja, os tempos que percorremos ao longo do ano!

calendário litúrgico católico

22/jan/2024

Muitas pessoas tem dificuldade em entender o calendário litúrgico católico. Aqui nesse post tiraremos todas as dúvidas sobre este assunto.

O que é o Calendário Litúrgico?

O calendário litúrgico é uma ferramenta utilizada pela Igreja Católica para organizar e orientar as celebrações religiosas ao longo do ano. Ele é dividido em diferentes períodos, cada um com suas próprias cores litúrgicas e festividades específicas. Neste blog, vamos explorar como funciona o calendário litúrgico e entender suas principais características.

Iniciando o Calendário Litúrgico

O centro do calendário litúrgico é a scoa, que marca a ressurreição de Jesus Cristo. Por isso, a primeira data que é marcada no calendário é a da Páscoa, que varia a cada ano, seguindo o calendário lunar. A Páscoa é celebrada entre os meses de março e abril, coincidindo com o solstício de inverno no hemisfério norte.

Após a Páscoa, temos o tempo do Advento, que é a preparação para o Natal. Durante as quatro semanas do Advento, a cor litúrgica é o roxo, que simboliza penitência e oração. À medida que o Natal se aproxima, a cor vai se tornando mais clara, misturando o roxo com o branco, representando a alegria da chegada de Jesus.

No dia 24 de dezembro, inicia-se a festa do Natal, que dura oito dias. Durante esse período, celebramos a Sagrada Família, a Mãe de Deus, a Epifania e o Batismo do Senhor, encerrando assim o ciclo do Natal.

O Tempo Comum e o Ciclo da Páscoa

Após o Natal, entramos no tempo comum, que é formado por 34 semanas. No entanto, esse período é interrompido pelo ciclo da Páscoa, que varia de acordo com o ano. Dependendo da data da Páscoa, o tempo comum pode ser dividido em mais ou menos semanas.

No tempo comum, as leituras bíblicas se concentram nos ensinamentos de Jesus e na esperança da salvação. É um momento de crescimento espiritual e reflexão para os fiéis.

O ciclo da Páscoa começa com a Quaresma, que é precedida pela Quarta-Feira de Cinzas. Durante as semanas da Quaresma, segue-se a cor roxa, representando a penitência e a preparação para a Páscoa. No Domingo de Ramos, começa a Semana Santa, que inclui a Quinta-feira Santa, a Sexta-feira Santa e o Sábado de Aleluia. No Tríduo Pascal, celebramos a paixão, morte e ressurreição de Jesus.

No Domingo de Páscoa, inicia-se a festa da Ressurreição, que dura oito dias. Durante o tempo pascal, celebramos a Ascensão do Senhor e o Domingo de Pentecostes, que marca o envio do Espírito Santo aos discípulos. Uma semana após o Pentecostes, começa novamente o tempo pascal, que é encerrado com a festa da Santíssima Trindade.

Após o tempo pascal, voltamos ao tempo comum, que continua até a 34ª semana, quando celebramos a festa de Cristo Rei. E assim, iniciamos um novo ciclo no calendário litúrgico.

Conclusão

O calendário litúrgico é uma maneira de organizar as celebrações religiosas ao longo do ano, seguindo as datas importantes do cristianismo. Ele nos ajuda a compreender o significado de cada período e a vivenciar a fé de forma mais profunda. Espero que este blog tenha sido útil para você entender como funciona o calendário litúrgico e suas principais características. Se tiver alguma dúvida, deixe nos comentários que terei prazer em responder. Até a próxima catequese!

Louvado seja nosso Senhor Jesus Cristo, para sempre seja louvado! Salve Maria!

Você sabe qual é a melhor oração para aumentar a fé?

Clique no botão abaixo para descobrir

Artigos Recentes

plugins premium WordPress
Rolar para cima